Palestras com especialistas orientam sobre como cuidar da saúde física e mental durante a pandemia

Semana do Cuidado na Atenção Domiciliar reúne apresentações de infectologistas, psicólogos, médicos e nutricionista entre 13 e 17 de julho.

A psicóloga Cláudia Cruz e o infectologista Matheus Todt vão participar da série de palestras

A pandemia traz reflexos significativos na saúde da população, não só pelo risco de contrair o novo Coronavírus, mas também pelo impacto na saúde mental, desequilíbrio na alimentação, redução nas atividades físicas e dificuldade em tratar outras doenças por conta do risco de buscar atendimento nos hospitais. Diante desse cenário, manter uma dieta e hábitos saudáveis, redobrar os cuidados com a saúde física e mental e adotar medidas de prevenção são fundamentais. Pensando nisso, a Semana do Cuidado na Atenção Domiciliar, promovida pela S.O.S. Vida entre 13 e 17 de julho, trará palestras de infectologistas, nutricionista, psicólogas e médicos para debater sobre o momento atual.

A infectologia Monique Lírio vai abrir o debate, explicando mitos e verdades sobre a Covid-19. “Como essa é uma nova mutação do Coronavírus não temos muita literatura sobre o tema e estamos aprendendo sobre esse vírus ao mesmo tempo que precisamos combatê-lo. Nesse contexto, surgem muitas notícias falsas, que podem afetar o enfrentamento da pandemia. Por isso, a importância da população buscar informações confiáveis e seguir as orientações das autoridades sanitárias”, pondera.

Além dos cuidados de prevenção, como evitar sair de casa, usar máscara, manter o distanciamento social e lavar as mãos, também é essencial cuidar da saúde para fortalecer a imunidade. Nesse aspecto, hábitos saudáveis e uma alimentação equilibrada são recomendáveis. Por isso, a médica da família Ana Rosa Humia e a nutricionista Edneuza Nascimento vão dar dicas de como reforçar o sistema imunológico. “A alimentação saudável não vai combater o Coronavírus, mas serve para melhorar a imunidade e diminuir o nível de infecção causada pelo vírus. Caso haja o contágio, o organismo estará mais fortalecido para que não desenvolva formas mais graves da doença”, explica a nutricionista.

Manter a imunidade alta ajuda a proteger o organismo no combate contra vírus e bactérias de forma geral, principalmente as infecções respiratórias, que são mais comuns durante o inverno e tem o sintoma parecido com o da Covid-19. A palestra do infectologia Matheus Todt vai orientar como diferenciar essas doenças e quando procurar a emergência caso apresente um desses quadros.

Com tantas incertezas, mudança repentina de rotina e necessidade de isolamento social, a pandemia também pode afetar a saúde mental da população, conforme foi constatado pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Depressão, ansiedade, síndrome do pânico são alguns dos problemas desencadeados desde o início da quarentena. As psicólogas Cláudia Cruz e Sônia Cotrim vão explicar como cuidar da saúde mental e lidar com as emoções conflitantes comuns no momento atual. “A incerteza e o isolamento social podem desencadear uma série de emoções, como medo, angústia e preocupação. Esses temores são normais, mas precisamos aprender a lidar com eles, ressignificando a situação e evitam que pandemia afete ainda mais nossa vida, atrapalhando o nosso bem-estar”, explica Sônia Cotrim.

As palestras serão transmitidas ao vivo no canal do YouTube da S.O.S. Vida (https://www.youtube.com/sosvida), sempre às 16 horas. 

Confira a programação completa:

[Segunda, 13] “O que sabemos sobre a Covid-19” – Monique Lírio, infectologista

[Terça, 14] “Cuide de sua Saúde Mental” – Cláudia Cruz, psicóloga

[Quarta, 15] “Fortalecendo a imunidade” – Edneuza Nascimento e Ana Rosa Humia, nutricionista e médica da família

[Quinta, 16] “Gripe, Resfriado e Covid-19: Sintomas e Cuidados” – Matheus Todt, infectologista

[Sexta, 17] “Como estamos lidando com as emoções” – Sônia Cotrim, psicóloga

Compartilhe nas redes sociais