Curso de Fonoaudiologia da Unijorge oferece atendimento gratuito para tratamento de alterações vocais

Os pacientes são atendidos no Instituto de Saúde, no campus Paralela, às terças e sextas

Foto: Freepik

O Curso de Fonoaudiologia da Unijorge iniciou o atendimento gratuito para tratamento de alterações vocais no Instituto de Saúde, campus Paralela. Pessoas que apresentam queixas de rouquidão, dor na garganta, afonia e falhas na voz podem agendar uma avaliação, que será realizada por estudantes do curso com a orientação da professora Gabriele Gonçalves, preceptora do estágio de voz. Segundo Gabriele, essas alterações podem indicar doenças e precisam ser investigadas e tratadas. “As disfonias podem ser causadas por lesões nas pregas vocais, tais como nódulos vocais, pólipo, cisto, fendas glóticas, edema de Reinke, úlcera de contato, entre outros”, afirma. A coordenadora orienta que é importante que o paciente leve o exame de videolaringoscopia mais recente para ajudar a nortear o tratamento a ser desenvolvido na terapia de fonoaudiologia.

Os atendimentos são realizados às terças-feiras e sextas-feiras e o agendamento prévio deve ser realizado pelo número (71) 3206-8489 ou pelo WhatsApp (71) 9611-6919. No Instituto de Saúde da Unijorge, são disponibilizados outros atendimentos gratuitos de Fonoaudiologia, como teste da orelhinha, audiometria, tratamento de gagueira e tratamento de linguagem oral e escrita.

Compartilhe nas redes sociais