Atendimento virtual e gratuito orienta gestantes durante pandemia da Covid-19

Com a assistência pré-natal fragilizada pelo isolamento social, a iniciativa gratuita do curso de Enfermagem da Unijorge espera beneficiar 350 gestantes, em parceria com a Maternidade Tsylla Balbino

Foto: Pixabay / Divulgação

Orientações sobre os sinais de trabalho de parto, a amamentação, os cuidados com o recém-nascido, além de precauções para evitar a contaminação com o novo coronavírus (Covid-19). Essas são algumas das informações que são prestadas por estudantes e profissionais do curso de Enfermagem da Unijorge durante o atendimento virtual para as mulheres. O objetivo dessas ações é transformar as experiências nesse período de isolamento, através do conhecimento, levando cuidado, segurança e orientação para quem precisa. A iniciativa gratuita espera beneficiar 350 gestantes, em parceria com a Maternidade Tsylla Balbino. As interessadas podem se inscrever pelo telefone (71) 99611-6919.

“As gestantes vivem um momento dificuldade assistencial em virtude do afastamento social. Atualmente a assistência pré-natal encontra-se fragilizada pelo isolamento social. Ações educativas, rodas de gestantes, dentre outras atividades que compõem o cuidado à gestante e a puérpera estão suspensas. Dessa forma, as gestantes estão mais vulneráveis a riscos”, explica a coordenadora do curso de enfermagem da Unijorge, Milena Bastos, mestre em Medicina e Saúde.

Os atendimentos online acontecem de segunda a quinta feira, das 8h às 12h, por videochamadas. Durante os encontros – que devem ser realizados no primeiro, segundo e terceiro trimestre de gestação, são oferecidas orientações quanto a maternidade de referência, sobre pré-parto, parto e puerpério (período de resguardo pós-parto), além de cuidados com o recém-nascido e a amamentação.

Milena Bastos explica que as principais dúvidas das gestantes permeiam o parto, a presença de acompanhante, a amamentação e os cuidados com o recém-nascido. “Esta ação de responsabilidade social é um projeto piloto para possível adoção em serviços de saúde, os quais têm se reestruturado para atender as necessidades da população em geral no contexto de pandemia”, afirma.

Orientações sobre feridas – Além das orientações às gestantes, o curso de Enfermagem da Unijorge também realiza o Consulta online de Enfermagem para pacientes com feridas de baixa e média complexidade. Por meio de videochamadas os pacientes são orientados sobre cuidados com a ferida facilitando a cicatrização, cuidados de saúde em geral, avaliação de complicações e doença de base. Esse atendimento acontece às terças e quintas-feiras, das 8h às 12h. O interessados podem ser inscrever através do formulário disponível no link http://bit.ly/AtendimentoDeEnfermagemFeridas.

Compartilhe nas redes sociais