Apae Jacobina ajuda 500 famílias a enfrentarem o isolamento social

Associação filiada à Feapaes-BA atende 19 municípios da região e tem sugerido atividades lúdicas através de suas redes sociais com o programa Movimentando a Quarentena.

As atividades visam enfrentar o isolamento com mais leveza

O Programa Movimentando a Quarentena foi idealizado pela equipe da Apae de Jacobina para o fortalecimento do isolamento social contra a transmissão do COVID19. Levar informação às famílias e sugerir atividades lúdicas a serem feitas em casa, visto que 80% dos assistidos pela Apae são crianças e criança gosta de movimento, é um dos objetivos do programa. Diariamente, são disponibilizadas sequencias de atividades, dicas terapêuticas e desafios, que chegam a 500 famílias de 19 municípios da região.

De acordo com Kátia Leite, professora da Apae de Jacobina e idealizadora do programa Movimentando a Quarentena, as atividades não visam transformar mães e pais em professores ou terapeutas. “Ser mãe já é grandioso e envolve tarefas diferentes das que realizam os profissionais. As tarefas e dicas se propõem a amenizar a solidão do isolamento”, explica. Para Kátia, quando uma família procura uma Apae, ela vai em busca de reabilitação séria e coloca nessa procura um grande sentimento de esperança. “Como Apae, sentimos a imensidão da responsabilidade que é manter viva a esperança das suas famílias e fazer com que elas se sintam acolhidas e amparadas, mesmo que distante fisicamente”, ressalta.

Durante a suspensão dos serviços da Apae, todo o estoque de merenda escolar está à disposição das famílias, distribuídos pelo Serviço Social da entidade, bem como materiais de higiene, fraldas descartáveis, medicação e receitas para remédios controlados. A Associação está também distribuindo para os alunos um kit com materiais que podem ajudar nas tarefas lúdicas, como tintas, tesouras, massinha, papeis e outros itens de igual importância.

Mesmo à distância, a Apae Jacobina estará presente nos lares de seus assistidos sugerindo, ouvindo, informando e auxiliando as famílias a passar por esse período de isolamento. “Quanto mais rápido ficarmos distante, em menor tempo poderemos nos abraçar e celebrar a nossa vida”, conclui Kátia Leite. As famílias devem ficar atentas aos canais de informações da entidade, como Whatsapp, Facebook (www.facebook.com/jacobinaapae), Instagram (@apaejacobina) e site institucional (jacobina.apaeba.org.br). Nas redes sociais, o movimento é intenso e todos os dias a instituição recebe devolutivas das famílias com fotos e vídeos da interação em casa.

Confira alguns links para as atividades sugeridas, que podem servir para todas as crianças:

1. Música Fazendinha do Mundo Bita:

2. Alongamento brincado. Músicas do grupo Palavra Cantada abaixo (deixar a sequência de 2 músicas: Passar sopa e Vai e vem das estações:

3. Momento sentar com a criança no chão e respirar lentamente para voltar à calma, sempre acompanhado de música. E após o descanso realizar a atividade abaixo:

4.Brincar de cama de gato:

5. Música para relaxar:

www.youtube.com/watch?v=QtJBuTm97ss&list=TLPQMjUwMzIwMjCk_1VidyF4HA&index=4 

6. Instruções de como realizar as atividades:

https://drive.google.com/open?id=1Qp_dUWr64zRBs4PU9fz8IcEWrU57Vid4

A Federação das Apaes do Estado da Bahia – Feapaes-BA contabilizou a suspensão dos atendimentos pedagógicos e socioassistenciais de 77 unidades das Apaes em todo o estado. Alinhadas aos esforços de contenção do coronavírus, alguns serviços não funcionarão por tempo indeterminado. Essa interrupção de atividades afetará 12 mil pessoas assistidas pelas associações. A medida é essencial, sobretudo tendo em vista que as pessoas com Síndrome de Down precisam de cuidados especiais, pois fazem parte do grupo de risco do novo coronavírus.


Para esclarecimentos adicionais, favor contatar:

ATcom – Estratégia, Relacionamento e Conteúdo (71) 3271.7171

Andréa Castro (71) 99982-5905 I andrea@agenciaat.com

Rafael Veloso (71) 99994-2490 I rafael@agenciaat.com

Cinthya Medeiros (71) 99918-9636 I cinthya@agenciaat.com

Compartilhe nas redes sociais